Transformação na Páscoa

Mais uma Páscoa se aproxima e vamos celebrar a vida. Vivemos um momento ímpar de dificuldades e por isto mesmo muitas famílias não poderão estar juntas no próximo domingo. Mas, sem dúvida, estaremos mais unidos do que nunca.

A Páscoa, como definição, é a passagem, é a transformação, é a vida. É, sobretudo, a mensagem do Cristo e o poder do seu exemplo, da perseverança e do sentido da fé cristã. E toda a dor e sofrimento de Jesus, desde sua crucificação até o esplendor de sua nova vida ascendendo aos céus, é a metáfora perfeita do que vivemos hoje com o combate mundial do novo Coronavírus.

Isto porque nunca fomos tão poderosos, tão cheios de riquezas acumuladas, tão repletos de tecnologias, internet ultrarrápida, o mundo cada vez menor através das descobertas e invenções e, mesmo assim, um momento de dor e sofrimento nos faz encarar a nossa fragilidade, nos faz ver o que verdadeiramente somos: humanos.

E esta humanidade é o que nos dá a oportunidade, agora, de voltarmos para os valores que realmente importam como a solidariedade, a união, a atenção ao próximo.

Afinal, do que adiantam riquezas, poder bélico, bombas e economias fortes se o inimigo pode entrar de forma invisível, sem escolher a cor da pele, a classe social, a ideologia política ou quanto se tem na conta bancária? A mensagem dos dias de hoje está muito clara e nos remete à mensagem pascal, deixada pelo Cristo: a vida é o nosso bem mais importante e somente estendendo as mãos uns aos outros é que seremos capazes de preservá-la em toda a sua complexidade, em toda sua dádiva divina.

O Milagre da Páscoa é o exemplo. E, assim como a trajetória de Jesus é marcada por enfrentamentos contra a Injustiça e a Intolerância ficaremos com a lição de que a humildade e a solidariedade são um remédio universal.

Sozinhos não somos ninguém, somente juntos somos mais fortes. Daí a lição para gestores públicos e lideranças de todo porte: a necessidade de desenvolvermos Políticas Públicas para o coletivo, que atendam os grotões, as favelas, as comunidades. Cuidar do próximo é cuidar de si mesmo.

Nós iremos vencer o poder destruidor do Coronavírus, e ficaremos com o legado de que também sairemos transformados, como remete o milagre do Cristo celebrado pela Páscoa.

Por Antônio Gomide

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *