Acompanhe nosso trabalho nas redes sociais

Frente em Defesa das Universidades se reúne com comunidade da UEG

Sob o comando do deputado Antônio Gomide (PT), os deputados integrantes da Frente Parlamentar em Defesa das Universidades realizaram nesta segunda-feira (27), audiência pública para discutir a situação da Universidade Estadual de Goiás (UEG) e o seu orçamento. A proposta orçamentária deve ser encaminhada pelo governo do estado e votada nos próximos meses nesta casa.

A audiência teve como objetivo discutir as demandas dos campus universitários distribuídos por Goiás e o orçamento ideal para o desenvolvimento da instituição, garantindo a contratação dos professores necessários para suprirem a carência do efetivo. Gomide defendeu a importância de realizar novos concursos e da apresentação de uma proposta de orçamento da universidade que tenha como norte as dificuldades presentes hoje nas 39 cidades onde a UEG está presente.

Depois de ouvir demandas, questionamentos, sugestões e ponderações acerca das atividades educacionais e orçamentárias da Universidade Estadual de Goiás (UEG), o coordenador da Frente Parlamentar em Defesa das Universidades da Alego, deputado Antônio Gomide (PT), ressaltou a importância da união de forças entre reitoria da UEG, Parlamento goiano, sociedade e Poder Executivo para melhorar o ensino universitário oferecido pela UEG em Goiás e encerrou a reunião.

Compareceram a presidente da Associação dos Docentes (Adueg), professora Juliana Vasconcelos Braga; o pró-reitor de pesquisas de pós-graduação da UEG, Cláudio Roberto Stacheira; o diretor do Instituto de Ciência Sociais Aplicadas, Rodrigo Messias; o coordenador da unidade UEG de Porangatu, Lucimar Marques da Costa Garção; o coordenador da unidade UEG de Posse, Ronaldo Ferreira da Silva; além do conselheiro da Associação dos Docentes da UEG, Marcelo Moreira.

Além de Gomide, que coordena o colegiado, também são membros da Frente os deputados: Delegada Adriana Accorsi (PT), Karlos Cabral (PDT), Lêda Borges (PSDB), Alysson Lima (Solidariedade), Wagner Neto (Pros), Humberto Aidar (MDB), Helio de Sousa (PSDB) e Delegado Humberto Teófilo (PSL).

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest